From 1 - 10 / 72
  • Categories  

    O programa Brasil Sorridente está inserido na Estratégia Saúde da Família (Esf) e tem como objetivo garantir as ações de promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal dos brasileiros. O tratamento é oferecido pelos Centros de Especialidades Odontológicas. Além da implantação de CEOs, há também a implantação de Laboratórios de Prótese Dentária – LPD – que são unidades próprias do município ou unidades terceirizadas credenciadas para confecção de próteses totais, próteses parciais removíveis e próteses. Interpretação: Refere-se aos municípios que implantaram laboratórios de próteses dentárias em 2010 Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal Método de Cálculo: Número absoluto

  • Categories  

    Cartograma representando a Razão entre o número médio mensal de residentes que participaram de ação coletiva de escovação dental supervisionada no ano e a população de determinado município, no ano avaliado. Interpretação: Estima a proporção de pessoas que tiveram acesso à escovação dental com orientação/supervisão de um profissional de saúde bucal. Quanto maior o indicador, maior o acesso à orientação para prevenção de doenças bucais, mais especificamente quanto à cárie dentária e doença periodontal. Nível de Agregação: Município, Região de Saúde, UF, Regiões Brasileiras, Brasil. Periodicidade de Atualização: Anual. Método de Cálculo: (Nº de pessoas participantes na ação coletiva de escovação dental supervisionada realizada em determinado local em 12 meses , dividido por 12 e dividido pela população no mesmo local e período) x 100.

  • Categories  

    Cartograma representando o número de próteses dentárias que foram distribuídas nos municípios atendidos pelos centros de especialidades odontológicas Interpretação: Refere-se a distribuição de próteses dentárias por municípios no país Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto

  • Categories  

    Cartograma representando o número de próteses dentárias que foram distribuídas nos municípios atendidos pelos centros de especialidades odontológicas Interpretação: Refere-se a distribuição de próteses dentárias por municípios no país Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto

  • Categories  

    Pessoas com necessidade de reabilitação motora, idosos, pacientes crônicos sem agravamento ou em situação pós-cirúrgica, por exemplo, terão assistência multiprofissional gratuita em seus lares, com cuidados mais próximos da família. O atendimento será feito por equipes multidisciplinares, formadas prioritariamente por médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e fisioterapeuta. Outros profissionais (fonoaudiólogo, nutricionista, odontólogo, psicólogo e farmacêutico) poderão compor as equipes de apoio. Cada equipe poderá atender, em média, 60 pacientes, simultaneamente. Interpretação: Refere-se ao número de municípios que são atendidos pelo Programa Melhor em Casa Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto

  • Categories  

    Limites municipais contendo as colunas de atributos que são utilizadas como filtros nos painéis produzidos pela SAGE. Esses dados podem ser utilizados para obter a lista de municípios conforme o tipo de região. Ver documento: http://sage.saude.gov.br/pagina/parametrosfiltro.html

  • Categories  

    Cartograma representando a quantidade de propostas de Academia da Saúde aprovadas por município. Interpretação: Espacialização por município da quantidade de propostas de Academia da Saúde aprovadas. Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: número absoluto.

  • Categories  

    O Brasil Sorridente constitui-se de uma série de medidas que têm como objetivo garantir as ações de promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal dos brasileiros, entendendo que esta é fundamental para a saúde geral e qualidade de vida da população. Sua principal meta é a reorganização da prática e a qualificação das ações e serviços oferecidos, reunindo uma série de ações em saúde bucal voltada para os cidadãos de todas as idades, com ampliação do acesso ao tratamento odontológico gratuito aos brasileiros, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). O grande desafio do Brasil Sorridente é conciliar as ações de prevenção e atendimento. Os Centros de Especialidades Odontológicas – CEO. oferecem serviços especializados, como tratamento endodôntico (canal), atendimento a pacientes com necessidades especiais, cirurgia oral menor, periodontia (tratamento de gengiva) e diagnóstico bucal (com ênfase ao diagnóstico de câncer bucal), entre outros. Estes procedimentos permitem a salvação de muitos dentes que antes seriam extraídos. Os CEO servem de referências para as ESB, que encaminham os casos que necessitam de tratamento especializado. Interpretação: Centros de Especialidades Odontológicas Implantados – CEO cujos projetos enviados pelos municípios foram aprovados pelo MS. Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto de Centros de Especialidades Odontológicas Implantados – CEO

  • Categories  

    Os Núcleos de Apoio à Saúde da Família – NASF configuram-se como equipes multiprofissionais que atuam de forma integrada com as equipes de Saúde da Família (eSF), as equipes de atenção básica para populações específicas (consultórios na rua, equipes ribeirinhas e fluviais) e com o Programa Academia da Saúde. Interpretação: Núcleos cujos projetos enviados pelos municípios foram aprovados pelo MS. Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto de núcleos habilitados

  • Categories  

    A Estratégia Saúde da Família (ESF) é o modelo assistencial da Atenção Básica, que se fundamenta no trabalho de equipes multiprofissionais em um território adstrito e desenvolve ações de saúde a partir do conhecimento da realidade local e das necessidades de sua população. A equipe é composta , no mínimo, médico generalista ou especialista em saúde da família ou médico de família e comunidade, enfermeiro generalista ou especialista em saúde da família, auxiliar ou técnico de enfermagem e agentes comunitários de saúde (ACS). Pode-se acrescentar a esta composição, como parte da equipe multiprofissional, os profissionais de saúde bucal (ou equipe de Saúde Bucal-eSB): cirurgião-dentista generalista ou especialista em saúde da família, auxiliar e/ou técnico em Saúde Bucal. A organização do trabalho das equipes deve estar centrada nas necessidades dos usuários e na busca contínua de melhoria da qualidade dos serviços ofertados à população. Cada equipe de Saúde da Família deve ser responsável por, no máximo, 4.000 pessoas de uma determinada área, que passam a ter corresponsabilidade no cuidado com a saúde. Interpretação: Equipes cujos projetos enviados pelos municípios foram aprovados pelo MS. Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto de equipes habilitadas