From 1 - 10 / 16
  • Categories  

    O objetivo do projeto foi avaliar o desempenho ambiental da cana-de-açúcar e seus derivados produzidos no Centro-Sul do Brasil, em regiões tradicionais e de expansão da cultura, pela abordagem da Avaliação de Ciclo de Vida (ACV). Os dados espaciais aqui disponibilizados foram utilizados para dimensionar e mapear as áreas tradicionais e de expansão da cultura da cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil, em diferentes épocas, buscando identificar mudanças de uso da terra. Gerar mapas integrando informações referentes à mudança de uso da terra, tipos de solos e tipos de sistemas de produção. Obter mapas localizando ambientes de produção e usinas e destilarias cana-de-açúcar. O shape contém as informações: uso da terra (anos antes 1994, 1994 e 2002 - BRASIL, MCTI), distancia as usinas, Terras indigenas (2014), Unidades de protecao integral (2014), declividade, solos, edafoclima, e informacoes sobre o plantio da cana (2003-2013).

  • Categories  

    O objetivo do projeto foi avaliar o desempenho ambiental da cana-de-açúcar e seus derivados produzidos no Centro-Sul do Brasil, em regiões tradicionais e de expansão da cultura, pela abordagem da Avaliação de Ciclo de Vida (ACV). Os dados espaciais aqui disponibilizados foram utilizados para dimensionar e mapear as áreas tradicionais e de expansão da cultura da cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil, em diferentes épocas, buscando identificar mudanças de uso da terra. Gerar mapas integrando informações referentes à mudança de uso da terra, tipos de solos e tipos de sistemas de produção. Obter mapas localizando ambientes de produção e usinas e destilarias cana-de-açúcar. O shape contém as informações: uso da terra (anos antes 1994, 1994 e 2002 - BRASIL, MCTI), distancia as usinas, Terras indigenas (2014), Unidades de protecao integral (2014), declividade, solos, edafoclima, e informacoes sobre o plantio da cana (2003-2013).

  • Categories  

    O objetivo do projeto foi avaliar o desempenho ambiental da cana-de-açúcar e seus derivados produzidos no Centro-Sul do Brasil, em regiões tradicionais e de expansão da cultura, pela abordagem da Avaliação de Ciclo de Vida (ACV). Os dados espaciais aqui disponibilizados foram utilizados para dimensionar e mapear as áreas tradicionais e de expansão da cultura da cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil, em diferentes épocas, buscando identificar mudanças de uso da terra. Gerar mapas integrando informações referentes à mudança de uso da terra, tipos de solos e tipos de sistemas de produção. Obter mapas localizando ambientes de produção e usinas e destilarias cana-de-açúcar. O shape contém as informações: uso da terra (anos antes 1994, 1994 e 2002 - BRASIL, MCTI), distancia as usinas, Terras indigenas (2014), Unidades de protecao integral (2014), declividade, solos, edafoclima, e informacoes sobre o plantio da cana (2003-2013).

  • Categories  

    O objetivo do projeto foi avaliar o desempenho ambiental da cana-de-açúcar e seus derivados produzidos no Centro-Sul do Brasil, em regiões tradicionais e de expansão da cultura, pela abordagem da Avaliação de Ciclo de Vida (ACV). Os dados espaciais aqui disponibilizados foram utilizados para dimensionar e mapear as áreas tradicionais e de expansão da cultura da cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil, em diferentes épocas, buscando identificar mudanças de uso da terra. Gerar mapas integrando informações referentes à mudança de uso da terra, tipos de solos e tipos de sistemas de produção. Obter mapas localizando ambientes de produção e usinas e destilarias cana-de-açúcar. O shape contém as informações: uso da terra (anos antes 1994, 1994 e 2002 - BRASIL, MCTI), distancia as usinas, Terras indigenas (2014), Unidades de protecao integral (2014), declividade, solos, edafoclima, e informacoes sobre o plantio da cana (2003-2013).

  • Categories  

    O shape contém as informações: distancias de 15km, 30km e maior que 30km das usinas do Centro Sul do Brasil - Estados: PR, SP, MT, MS, GO e MG

  • Categories  

    Faixas de distância de vias de escoamento estaduais e federias para viabilidade das ações de TT.

  • Categories  

    Este conjunto de dados informa as áreas dentro dos municípios com maior aceitabilidade para receber ações de transferência de tecnologia em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF). A ILPF é uma estratégia de produção agropecuária que reúne tecnologias e sistemas de produção, contemplando a integração de atividades agrícolas, pecuárias e florestais em uma mesma área, em cultivo consorciado, em sucessão ou rotacionado, buscando-se efeitos sinérgicos entre os componentes do agroecossistema. O reconhecimento dos impactos positivos da ILPF levou a sua inclusão em políticas públicas nacionais e o compromisso do país em aumentar em até 9 milhões de hectares a área desse sistema no Brasil. Ações de transferência de tecnologia assumem relevância no processo de expansão das áreas de ILPF e para identificar as mais favoráveis a Embrapa realizou u mapeamento de todo o território nacional. Em vista desse cenário, presente trabalho objetivou: a) desenvolver uma metodologia para identificar e ponderar os critérios geoespaciais, com vistas a identificar áreas prioritárias para ações de TT em sistemas ILPF, utilizando-se uma abordagem baseada na conjugação da prospectiva estratégica com Análise Multicritério (AMC) e Sistemas de Informação Geográfica (SIG), e b) apresentar o resultado dessa análise espacial com a priorização dessas áreas no território brasileiro para ações de transferência de tecnologia.

  • Categories  

    Este conjunto de dados informa as áreas dentro dos municípios com maior aceitabilidade para receber ações de transferência de tecnologia em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF). A ILPF é uma estratégia de produção agropecuária que reúne tecnologias e sistemas de produção, contemplando a integração de atividades agrícolas, pecuárias e florestais em uma mesma área, em cultivo consorciado, em sucessão ou rotacionado, buscando-se efeitos sinérgicos entre os componentes do agroecossistema. O reconhecimento dos impactos positivos da ILPF levou a sua inclusão em políticas públicas nacionais e o compromisso do país em aumentar em até 9 milhões de hectares a área desse sistema no Brasil. Ações de transferência de tecnologia assumem relevância no processo de expansão das áreas de ILPF e para identificar as mais favoráveis a Embrapa realizou u mapeamento de todo o território nacional. Em vista desse cenário, presente trabalho objetivou: a) desenvolver uma metodologia para identificar e ponderar os critérios geoespaciais, com vistas a identificar áreas prioritárias para ações de TT em sistemas ILPF, utilizando-se uma abordagem baseada na conjugação da prospectiva estratégica com Análise Multicritério (AMC) e Sistemas de Informação Geográfica (SIG), e b) apresentar o resultado dessa análise espacial com a priorização dessas áreas no território brasileiro para ações de transferência de tecnologia.

  • Categories  

    Este conjunto de dados informa as áreas dentro dos municípios com maior aceitabilidade para receber ações de transferência de tecnologia em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF). A ILPF é uma estratégia de produção agropecuária que reúne tecnologias e sistemas de produção, contemplando a integração de atividades agrícolas, pecuárias e florestais em uma mesma área, em cultivo consorciado, em sucessão ou rotacionado, buscando-se efeitos sinérgicos entre os componentes do agroecossistema. O reconhecimento dos impactos positivos da ILPF levou a sua inclusão em políticas públicas nacionais e o compromisso do país em aumentar em até 9 milhões de hectares a área desse sistema no Brasil. Ações de transferência de tecnologia assumem relevância no processo de expansão das áreas de ILPF e para identificar as mais favoráveis a Embrapa realizou u mapeamento de todo o território nacional. Em vista desse cenário, presente trabalho objetivou: a) desenvolver uma metodologia para identificar e ponderar os critérios geoespaciais, com vistas a identificar áreas prioritárias para ações de TT em sistemas ILPF, utilizando-se uma abordagem baseada na conjugação da prospectiva estratégica com Análise Multicritério (AMC) e Sistemas de Informação Geográfica (SIG), e b) apresentar o resultado dessa análise espacial com a priorização dessas áreas no território brasileiro para ações de transferência de tecnologia.

  • Categories  

    O Índice Tecnológico Municipal Agropecuário é o resultado de uma análise fatorial que descreve as caracterísitcas de modernização agricola dos municípios. Foi elaborado para compor um dos indicadores geoespaciais da priorização de áreas para ações de transferência de tecnologia em ILPF. Foi calculado com base em 24 variáveis obtidas no Censo Agropecuário de 2006 e espacializadas na base municipal do IBGE de 2007. Os resultados estão em SIRGAS 2000 geográfica.