Category

EMBRAPA

1230 record(s)
 
Type of resources
Available actions
Topics
Categories
Keywords
Contact for the resource
Provided by
Representation types
Update frequencies
status
Scale
From 1 - 10 / 1230
  • Categories  

    Mapas de Moran e LISA para a variável área plantada no polo de produção entre Sergipe e Bahia no ano de 1993. SILVA, D. S. ; SILVA, M.A.S. d. ; Carvalho, Hélio Wilson Lemos de ; DOMPIERI, M. H. G. ; Cuenca, M.A.G. . Análise da dinâmica e dependência espaciais da produção de milho no território rural “Sertão Ocidental” sergipano. SCIENTIA PLENA, v. 15, p. 01-23, 2019.

  • Categories  

    A camada de informação dos padrões morfológicos do habitat foi gerada para uma Unidade Amostral de Paisagem (UAP), pertencente a uma subamostra de 18 UAPs do Inventário Florestal Nacional do Brasil (IFN-BR). As UAPs são unidades de área de 10 x 10 km, distribuídas em um grid nacional a cada 40 km. As classes morfológicas de padrão espacial qualificam o habitat segundo a distribuição espacial de seus componentes, tais como borda, área core e conectores, por exemplo. A análise dessa distribuição permite inferir a intensidade de fragmentação, as opções de conectividade disponíveis e o efeito de bordas sobre a paisagem. A metodologia de geração da camada consiste na aplicação de uma sequência de operadores morfológicos matemáticos sobre um mapa binário, em que o foreground ou primeiro plano é representado pela classe de cobertura arbóreo/arbustiva (habitat) e as demais classes constituem o background ou segundo plano, exceto as massas de água, que se encaixam na classe de dados ausentes ou missing data. Usando-se a Análise Morfológica de Padrões Espaciais (MSPA), disponível no aplicativo GuidosToolbox, o foreground é segmentado em sete classes de padrão morfológico. A equipe do Laboratório de Monitoramento Ambiental da Embrapa Florestas foi responsável pela elaboração do arquivo vetorial que representa as classes MSPA, no ano de 2018, com base em mapa de uso e cobertura gerado a partir de imagens RapidEye, com 5 metros de resolução, obtidas em 2014.

  • Categories  

    O estudo analisou o uso e ocupação da terra no Vale do Paraíba do Sul (que compreende 34 municípios). A intenção principal é a relação da mudança na cobertura nos últimos 30 anos, de 1985 a 2015, usando comparativos para as categorias descritas. As imagens em questão foram obtidas através do portal “GLOVIS” mantido pelo Serviço Geológico Americano (United States Geological Survey – USGS). O recorte espacial das imagens, por sua vez, é definido pelas Órbitas 218/219 de respectivos Pontos 76. Para o mapeamento do uso e ocupação da terra no Vale do Paraíba foram utilizadas imagens do sensor orbital “Operational Land Image”(OLI) do satélite Landsat 8, composição colorida da banda visível (R,G, B), com auxílio do software ArcGis 10.3 (ESRI). Representação temática das categorias de uso e ocupação do município de Roseira (SP), na perspectiva da cobertura vegetal.

  • Categories  

    Este mapa representa a distribuição espacial dos solos do Parque Estadual da Mata Seca, de acordo com o Sistema Brasileiro de Classificação de Solos (SiBCS, 2006).

  • Categories  

    Este plano de informação representa a distribuição espacial do zoneamento agroecológico do município de Aquidauana, Mato Grosso do Sul. Escala 1:100.000.

  • Categories  

    Este mapa representa a distribuição espacial do zoneamento agroecológico para banana do município do Rochedo, Mato Grosso do Sul. Escala 1:100.000.

  • Categories  

    Identificação de períodos favoráveis para a semeadura da Brachiaria brizantha cv. Marandu em solos arenosos no estado de Minas Gerais. Para definição do tipo de solo através da textura, consultar documento - http://geoinfo.cppse.embrapa.br/documents/373

  • Categories  

    Este cartograma representa a disponibilidade de levantamentos de solos do Brasil, elaborado no ano de 2013 e atualizado em 2015.

  • Categories  

    Este plano de informação representa a distribuição geográfica dos solos do estado de Alagoas, anterior ao Sistema Brasileiro de Classificação de Solos. Escala 1:400.000.

  • Categories  

    Este plano de informação representa a distribuição espacial do Zoneamento agroecológico para abacaxi no município de Aquidauana, Mato Grosso do Sul. Escala 1:100.000.