From 1 - 10 / 71
  • Categories  

    Descrição: O mapa apresenta Coeficiente de casos novos de hanseníase com grau 2 de incapacidade física no momento do diagnóstico por 100.000 habitantes na população negra. Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Anual Método de Cálculo: Numerador: Casos novos com grau 2 de incapacidade física no diagnóstico, na população negra residente em determinado local e detectados no ano da avaliação Denominador: População negra residente no mesmo local e período Fator de multiplicação: 100.000

  • Categories  

    Proporção da população potencialmente coberta pela atenção básica, considerando uma média de 3.000 pessoas cobertas por equipe da Estratégia Saúde da Família (ESF) ou por cada 60 horas de profissionais médicos vinculados a outros modelos de atenção básica. Periodicidade de Atualização: Anual Método de Cálculo: Cobertura = (60 horas semanais x 3.000) + (nº equipes ESF x 3.000) / população total. Considerando que cada 60 horas/médico (outros modelos) equivalem a uma equipe da ESF com o potencial de atendimento de 3.000 pessoas.

  • Categories  

    Cartograma representando a Relação entre o número de procedimentos ambulatoriais selecionados, de média complexidade, realizados e pagos pelo SUS, para residentes de um município, em um período e a população residente no mesmo município, no último ano do período considerado. Interpretação: Mede a relação entre a quantidade de procedimentos ambulatoriais selecionados, de média complexidade, realizados e pagos pelo SUS em determinado período para residentes em um município e a população residente no mesmo município, indicando o acesso obtido ou cobertura realizada para tais procedimentos. Nível de Agregação: Município, Região de Saúde, UF, Regiões Brasileiras, Brasil. Periodicidade de Atualização: Trienal Método de Cálculo: Razão entre Informados e Esperados (RIE) de procedimentos ambulatoriais selecionados de média complexidade para residentes no município com ajuste pelo Bayes empírico (1) x resultado médio do indicador nos Municípios de Referência (2). (1) Razão entre Informados e Esperados (RIE) = (nº de procedimentos ambulatoriais de média complexidade para residentes do município, em um período) ÷ (nº de procedimentos ambulatoriais de média complexidade esperados para todos os residentes do município, caso esse tivesse, para cada faixa etária feminina e masculina, os mesmos resultados médios, deste indicador, calculado diretamente para as respectivas faixas etárias femininas e masculinas, exclusivamente SUS, dos Municípios de Referência, no período considerado. Razão entre Informados e Esperados (RIE) do município com ajuste pelo Bayes empírico = (RIE do município sem ajuste x fator de ajuste Bayes específico do município) + (RIE média do Grupo Homogêneo de municípios da mesma região brasileira em que se localiza o município) x (1 – fator de ajuste Bayes específico do município). Fator de ajuste Bayes específico do município: fator calculado especificamente para cada município, que depende da dispersão dos valores dos resultados da RIE entre o Grupo Homogêneo de municípios da mesma região brasileira em que se localiza o município e aumenta progressivamente, de zero (0) a um (1), conforme aumenta o denominador da RIE do município (número de procedimentos ambulatoriais de média complexidade esperados para residentes no município avaliado). (2) Resultado médio do indicador nos Municípios de Referência para os parâmetros de acesso à atenção ambulatorial e hospitalar de média a alta complexidade = número de procedimentos ambulatoriais de média complexidade realizados para residentes nos Municípios de Referência, dividido pela população residente, exclusivamente SUS, desses Municípios de Referência.

  • Categories  

    Cartograma representando: O quantitativo de obras de Unidades de Pronto Atendimento (UPA) monitoradas pelo Sistema de Monitoramento de Obras (Sismob) Interpretação: representa o número de obras de UPA que estão sendo monitoradas Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto

  • Categories  

    Cartograma representando o número de próteses dentárias que foram realizadas no ano de 2012 nos municípios Interpretação: distribuição do número de próteses dentárias realizadas em 2012 Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Anual Método de Cálculo: número absoluto

  • Categories  

    Cartograma representando a relação entre o número de exames de mamografia de rastreamento realizadas e pagas pelo SUS, em mulheres de 50 a 69 anos residentes em um município, no período de dois anos; e a população feminina de mesma faixa etária, residente no mesmo município, no último ano do biênio. Interpretação: Permite conhecer o nº de mamografias realizadas em mulheres de 50 a 69 anos, possibilitando inferir as desigualdades no acesso à mamografia e no rastreamento do câncer de mama nas mulheres de 50 a 69 anos. Nível de Agregação: Município, Região de Saúde, UF, Regiões Brasileiras, Brasil. Periodicidade de Atualização: Bienal Método de Cálculo: Número de mamografias de rastreamento realizadas no período de 2 anos em mulheres de 50 a 69 anos, residentes em um município, dividido pela população feminina na faixa etária de 50 a 69 anos residentes no mesmo município, no último ano do biênio avaliado.

  • Categories  

    Cartograma representando o número de próteses dentárias que foram distribuídas nos municípios atendidos pelos centros de especialidades odontológicas Interpretação: Refere-se a distribuição de próteses dentárias por municípios no país Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: Número absoluto

  • Categories  

    Cartograma representando a Cobertura vacinal da vacina tetravalente (contra difteria, coqueluche, tétano e Haemophilus Influenzae tipo B, em menores de um ano de idade, em determinado município e ano). Interpretação: Mede efetividade do programa de vacinação. Nível de Agregação: Município, Região de Saúde, UF, Regiões Brasileiras, Brasil. Periodicidade de Atualização: Anual Método de Cálculo: (Número de 3ªs doses da vacina tetravalente aplicadas em crianças menores de um ano, dividido pela população de menores de um ano) x por 100.

  • Categories  

    Na rede credenciada é possível ter acesso aos medicamentos para as doenças mais comuns entre os cidadãos. O Programa possui uma rede própria de Farmácias Populares e a parceria com farmácias e drogarias da rede privada, chamada de "Aqui tem Farmácia Popular". Cartograma representando os estabelecimentos do Aqui Tem Farmácia Popular. Interpretação: refere-se à localização dos estabelecimentos do Aqui Tem Farmácia Popular. Nível de Agregação: Município Periodicidade de Atualização: Mensal. Método de Cálculo: número absoluto

  • Categories  

    Número de óbitos de mulheres em idade fértil (10a 49 anos) notificados ao SIM, com ficha síntese digitada no módulo de investigação do SIM. Periodicidade de Atualização: Anual Método de Cálculo: Cobertura = Valor absoluto